ARTE & LAZER

 Centro Cultural Paschoal Carlos Magno  recebe e mostra ‘Ponte Rio-Niterói: 50 Anos Conectando Histórias’

Centro Cultural Paschoal Carlos Magno, localizado no bairro de Icaraí, em Niterói, segue até 30 de junho, com a exposição fotográfica “Ponte Rio-Niterói: 50 Anos Conectando Histórias”. A mostra conta com 16 imagens  da  Ponte Presidente Costa e Silva, maior via suspensa sobre águas do hemisfério sul e um grande orgulho da engenharia nacional.

Há fotografias de Antonio Schumacher, André Cyriaco e Leandro Souza, que capturaram a Rio-Niterói em ângulos surpreendentes para oferecer ao público a verdadeira dimensão dessa obra de engenharia. A exposição tem curadoria do renomado fotógrafo Renato Moreth e produção é da DB Editora.

“Ponte Rio-Niterói: 50 Anos Conectando Histórias” é baseada no livro homônimo, publicado pela editora em 4 de março, data do cinquentenário da construção, e produzido pela Pas de Deux via Lei Rouanet. O Livro e a exposição tiveram como apoiadora a concessionária Ecoponte, que administra e opera a via.  A concessionária é uma das maiores financiadoras de projetos socioculturais do território nacional.

Nos dias 28 e 29 de maio, a DB Editora promoverá a visitação de alunos de escolas públicas de Niterói à exposição. Na ocasião, o estudantes serão recebidos com lanche e música da Orquestra da Grota e da Oficina das Minas lanches.

A exposição foi inaugurada na noite da última quarta-feira (22) e contou com a presença do prefeito Axel Grael e do vice-prefeito Rodrigo Neves; da secretária municipal das Culturas, Julia Pacheco; da secretária de Conservação, Dayse Monassa; do presidente da NelturAndré Bento; do subsecretário municipal de Fazenda, Juan Rodrigues; e da coordenadora municipal dos Direitos da Mulher (Codim), Fernanda Sixel; entre outras autoridades. Os convidados ganharam um exemplar do livro comemorativo, que também está disponível para leitura on-line gratuita no site da DB Editora e da Ecoponte.

“Marco da engenharia nacional e referência até hoje para projetos do tipo em todo o mundo, a Ponte Rio-Niterói é responsável por diminuir a distância entre os municípios e os cidadãos dos dois lados da Baía de Guanabara, trazendo inúmeros benefícios para a identidade fluminense e servindo ao estado nos âmbitos econômico, social, cultural e turístico, entre outros aspectos”, concluiu o diretor-superintendente da concessionária, Julio Amorim.

Os trabalhos podem ser vistos de terça a sexta-feira, das 10h às 17h; e sábado e domingo, das 9h às 14h.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo