ARQUIBANCADA

Vasco vence Corinthians e sobe no Brasileirão

 A vitória por 2 a 0, em São Januário, pela 16ª rodada do Brasileirão, foi a primeira do time carioca sobre os paulistas desde 2010.

O Vasco deu mais um grande passo para uma temporada mais tranquila. Na noite desta quarta-feira (10), pela 10ª rodada, em São Januário, o time comandado pelo interino Rafael Paiva teve atuação segura diante de sua torcida e bateu o Corinthians pelo placar de 2 a 0. Os gols do jogo foram marcados pelo lateral-esquerdo Lucas Piton e pelo volante Sforza, em linda cobrança de falta.

Com o resultado, o Cruz-Maltino chegou a 20 pontos e respira longe da zona de rebaixamento. O próximo duelo será apenas na próxima quarta-feira (17), com o Atlético-GO, fora de casa.

A primeira etapa foi bem movimentada e, apesar de ter terminado sem gols, mostrou um bom nível de competitividade do Vasco. Rafael Paiva armou a equipe para uma imposição no campo de ataque, buscando as jogadas em velocidade com David e Adson, e levou perigo principalmente com o segundo, ex-Corinthians, pela direita.

Em oportunidades claras de gol, os primeiros 45 minutos deixaram a desejar. O Cruz-Mantino teve boas possibilidades em contra-ataques, principalmente na reta final, mas acabou desperdiçando e pecando no último passe. O Corinthians levou perigo em cobrança de falta de Igor Coronado, que obrigou Léo Jardim a fazer boa defesa.

Na volta do intervalo, o Vasco conseguiu manter o bom desempenho e abriu o placar em uma jogada cantada, pelo lado, principal característica dos últimos jogos. Aos nove minutos, Hugo Moura achou Lucas Piton pelo lado esquerdo, e o lateral, ex-jogador do Timão, tirou da marcação e mandou uma bomba cruzada, rasteira, para explodir São Januário.

O gol marcado empolgou ainda mais o time comandado por Rafael Paiva, que teve um desempenho exemplar na marcação. Com a vantagem no placar, as linhas do Vasco subiram para um bloco médio e focado na recuperação para os contra-ataques.

A equipe paulista bem que tentou uma reação apostando nas jogadas aéreas e rondando a área, mas sequer levou perigo à meta do goleiro Léo Jardim. Já nos acréscimos, no entanto, o volante Sforza tratou de dar um ponto final em qualquer pingo de sonho.

Aos 49 minutos, o Vasco teve falta de média distância e o volante argentino assumiu a responsabilidade. Com toda categoria, o camisa 20 cobrou de perna esquerda no ângulo de Matheus Donelli para marcar um golaço e sacramentar a vitória pelo placar de 2 a 0.

Ficha técnica

Vasco 2 x 0 Corinthians

Local: São Januário
Data e hora: 10/7 (quarta-feira), às 19h (de Brasília)
Arbitragem: Rafael Rodrigo Klein
Assistentes: Lucio Beiersdorf Flor e Maurício Coelho Silva

Gols: Lucas Piton 9’/2ºT e Sforza 49’/2ºT (VAS)

Cartões amarelos: Mateus Carvalho, David e Bruno Lopes (VAS); Félix Torres, Raniele, Igor Coronado e Giovane (COR)

VASCO: Léo Jardim; Paulo Henrique, Maicon, Léo e Lucas Piton (Leandrinho); Hugo Moura (Bruno Lopes), Mateus Carvalho (Sforza) e Praxedes (JP); Adson (Zé Gabriel), David e Vegetti. Técnico: Rafael Paiva (interino).

CORINTHIANS: Matheus Donelli; Matheuzinho, Félix Torres, Cacá e Matheus Bidu; Raniele (Ryan), Breno Bidon (Matheus Araújo) e Igor Coronado; Ángel Romero (Pedro Henrique), Wesley (Giovane) e Yuri Alberto (Pedro Raul). Técnico: Raphael Laruccia (interino).

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo